As metas do ano.

Eu sou louca por listas: sou movida pela minha agenda e pelas anotações das coisas que preciso fazer ao longo do dia, e fico me sentindo toda importante e responsável com cada atividade concluída. Ainda assim, as resoluções de fim de ano (aka. listas que nos lembram como sempre deixamos de realizar uma coisa / muitas coisas ) sempre foram problemáticas.

Sinceramente, eu não consigo me lembrar de uma vez em que consegui concluir tudo a que me propus nessas resoluções. Talvez seja falta de vontade, de motivação ou puro esquecimento. Quem sabe seja o fato de resoluções estarem fadadas ao fracasso por algum motivo alheio às vontades de quem as escrevem.

large

Ainda que seja por algum desses fatores, eu nunca consigo deixar de tentar e de pensar no que gostaria de conquistar no ano que chegou. Por isso, decidi colocar aqui algumas das coisas que gostaria de realizar (melhorar ou transformar) em 2015. Claro que a lista de metas completa fica apenas comigo; é bom manter tudo só para mim; mas no geral estas são as prioridades:

-Escrever mais: Como falei aqui no primeiro post, eu nunca dou continuidade aos meus blogs. É fracassar um pouco várias vezes. Não criei um blog para ser referência; creia, viu? (hahaha) Quero escrever um monte e não parar, por mim mesma. Quero soltar a matraca por aqui e me organizar ao ponto de permitir que o blog continue com um fluxo bom de posts durante o ano.

-Me manter organizada: Na agenda, nos dias, na vida. É conseguir fazer tudo o que preciso e descansar o quanto quiser também. É poder fazer mais por mim e compartilhar mais momentos e tempo com quem desejo. É procrastinar menos: e se teve uma coisa que aprendi em 2014 foi que tempo é o que a gente tem de mais valioso. Aprendi da pior maneira; errei feio com alguns momentos, e quero ter aprendido a lição.

-Viajar: Exatamente o que preciso. Viajar. Quando não viajava, sempre dava a desculpa do tempo (a falta dele), dinheiro, companhia. Quando a gente não tem coragem ou não quer fazer algo, qualquer desculpa serve. Então junte a isso um pouco de preguiça pra organizar tudo, a procrastinação, o medo de ir sozinha e o trabalho. Sonhei muito, idealizei demais, tive pouca ação e quase não arredei os pés daqui. Em 2015 quero ir; pra onde me levar, eu vou. E que seja doce: que seja uma aventura em cada piscada de olhos.

-Ser saudável: I mean, melhorar. Cliché, né?! Não é emagrecer; embora seja um desejo e tenha estado SEMPRE na minha listinha de metas pro ano, eu percebi – finalmente, e melhor que nunca – que emagrecer é resultante de um processo. Eu quero melhorar a alimentação, ter menos preguiça pra me exercitar, conseguir fazer escolhas melhores e fazer menos gordices. haha 

-Ser mais paciente: Sim, foi algo que notei nesse ano. Minha paciência -para algumas coisas e algumas pessoas – se esgotou bem rápido. Eu espero ser mais paciente; menos agoniada (mesmo achando que isso de ser assim está nos meus genes). Quero ouvir com mais atenção, processar informações antes de abrir a boca e ser menos afobada.

Resumindo, é bem isso mesmo que desejo. E você? O que quer? Certíssima foi Xuxa ao dizer que “Tudo o que quiser; se quiser, será”. haha

E com essa filosofia de vida, me despeço. Beijo, Bee! 🙂

Anúncios

2 comentários sobre “As metas do ano.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s